function click() { if (event.button==2||event.button==3) { oncontextmenu='return false'; } } document.onmousedown=click document.oncontextmenu = new Function("return false;")

domingo, 31 de julho de 2016

Fugidio

Resultado de imagem para fugazRespectivo foi o amor,
um suave improviso,
que se foi sem aviso,
e por ser introspectivo,
deixou somente dolor 
e um vazio massivo,
onde o relevo cardiográfico
da saudade, permeia 
entre a diástole e a sístole
de meu coração cativo e 
expõe aos teus olhos furtivos,
todo o sentido de meu amor
mais que amigo.


                     J R Messias


imagem: redecchrondonra.blogspot.com481

Pileque

Resultado de imagem para embriaguez de amorFoste a dose mais forte,
ao cruzar minha vida com a tua,
a embriaguez imediata,
de um sonho
que  virou história, 
que virou ressaca.


              J R Messias

Into pieces


Aliciado pela harmonia caótica de teu olhar,
emparedei meus limítrofes desejos, traduzidos
numa orogênese contínua de uma paixão
aflorada, versificada e apaixonada,
mesmo oclusa no submundo tórrido e sórdido
de meus gozosos descaminhos,
num inalcançável, porém, incansável 
bordejar pelas fronteiras de teu corpo,
a esquadrinhar teus beijos, até que eu possa
dilacerar minha alma nos recônditos 
prazeres de teu amado ser.


                                     J R Messias



Imagem: se.dreamstime.com

domingo, 10 de julho de 2016

Nostálgico

Resultado de imagem para saudade

Esta saudade, larga e profunda como um oceano, aperta o peito e inunda os olhos.  Aparenta ser eterna e irresoluta, margeando nossos sonhos, trazendo luz a solidão cruel e profana, preenchendo as rugas com a argamassa de uma jovialidade que já passou, mas que fincou suas marcas no corpo e no coração dos apaixonados e se traduz em poesias que escrevemos, nas canções que escutamos, nos filmes que vemos ...
Esta saudade, romanceada na solidão dos cantos, quartos e esquinas de nossas vidas, acumula-se como em camadas de um relevo sedimentar, que deixa na primeira camada, lá no fundo, o substrato, o sentimento basilar de todos que amam e que chamamos de saudade.

                                         J R Messias

terça-feira, 5 de julho de 2016

Varandas

Resultado de imagem para varandas rusticas

Neste entardecer,
arejado por alíseas brisas,
minhas lembranças, distantes e distintas,
são levadas por este vespertino ventilar,
como um bom presságio de cálidas esperanças,
no ocaso de mais um dia.

No acalanto desta noite que chega, morna e diáfana,
busco no relevo abrupto desta saudade, amealhar
sonhos, nas vertentes de tua ausência silenciosa e austera,

E na lassidão  desse querer, garimpo no aluvião e mergulho
nas torrentes indomáveis de teus desejos, a buscar sempre, teus abraços e teus beijos.



                                              J R Messias

domingo, 3 de julho de 2016

Relicário

Resultado de imagem para relíquias da paixãoNas sombras da agreste lembrança
que tenho de ti,
prospecto sentidos aos sentimentos,
transpondo-me ao frescor
de teu paradisíaco amor,
atado, que estou, aos grilhões dessa solidão.

No contraditório desta sina,
cristalizada nas escarpas da paixão,
vagueio na impaciência dos desejos
e na soledade infinda,
suplicando indulgências como 
se fossem arabescos a traduzirem
este amor solene/solano,
amante/amaro, relutante/distante.


                   J R Messias